MMTGapnet
Europa África do Sul América do Norte América Central & Caribe América do Sul Nacional
Acompanhe:
Categorias
  • Destino x Destino
  • Dvida do Viajante
  • Raio x dos Passeios
  • Roteiro Perfeito em
  • Dicas de Concierge
Uma manhã perfeita em Canela
jan/13
14
Compartilhe
  • Enviar para um Amigo
  • Imprimir

Vale da Ferradura, Canela

Apenas 7 quilômetros separam a simpática Canela de sua vizinha ilustre, Gramado, a grande estrela da Serra Gaúcha. Mal dá pra perceber quando começa uma e termina a outra quando se está dirigindo pela Avenida das Hortênsias (oficialmente, rodovia estadual RS-235), que liga as duas. Mas, com um pouco mais de atenção, dá pra ver que a paisagem urbana muda.

Canela é menor, e sua rede hoteleira recebe menos visitantes que a vizinha. Mas ali não faltam charme e atrações naturais – inclusive, que também fazem a fama de Gramado, já que todo mundo faz o bate-volta.

Quer ver paisagens bonitas? Escolha o Parque do Caracol ou o Parque da Ferradura. Mais emoção? Vá de aventuras do Parque da Cachoeira ou do Alpen Park. Com crianças? O Mundo a Vapor é uma espécie de museu temático, com várias engenhocas a vapor e um passeio de trenzinho na área externa.

Por onde começar? É legal estar de carro, van ou táxi, porque as distâncias em Canela não são caminháveis, e seguir o nosso roteiro para uma manhã na cidade.

 

9h – A torta de maçã perfeita

Comece o dia no Castelinho Caracol. O programa é bacana pela excursão ao prédio construído no início do século 20, usando madeira de araucária, para servir de residência à família Franzen. O estilo arquitetônico remete à colonização alemã no sul do Brasil, e os 18 ambientes guardam móveis e objetos dos antigos moradores. Para boa parte dos visitantes, porém, o mergulho na história da família é só uma desculpa para visitar o Castelinho e… devorar um dos melhores apfelstrudels do Brasil. A típica torta germânica de maçã é servida em seus dois salões de chá, acompanhada por creme de nata ou sorvete.

 

10h – Altos visuais no Parque do Caracol

Uma cachoeira, chamada de Cascata do Caracol, é a grande atração do parque. São 131 metros de véu branco despencando de um paredão rodeado de floresta. Dá para admirar tudo do alto, pelo mirante, uma plataforma que avança dentro do cânion. Ou do elevador panorâmico que foi instalado no parque, de onde se tem uma vista em 360 graus do vale verdejante do rio Caracol.

Para quem curte ângulos mais raros e gosta de caminhar, vale encarar a trilha para descer ao pé da cachoeira. É uma trilha bem cuidada, que segue por uma escada com mais de 900 degraus. A recompensa é o privilégio de ver a cascata de baixo, além do contato mais próximo com a mata, as flores, os pássaros do parque. Se quiser ficar mais tempo por ali, dá para optar pelas trilhas ecológicas, orientadas por guias, ou por um passeio de trenzinho pelas alamedas.

 

12h – Almoço no Centro
Há muitas boas pedidas na cena gastronômica de Canela, mas quase todo mundo faz questão de ir conhecer a Cantina 28 (na rua Jacob Adamy, 28), no caminho a Gramado.  O bufê estrelado por vários tipos de polentas, mole, na chapa ou recheada, com várias opções de molhos, é para fazer a alegria de qualquer amante de comida italiana. Depois da comilança, dá para planejar umas comprinhas no Centro,  já que muitas lojas fecham para a siesta do almoço.

 

Consulte seu agente de viagens e peça pelos pacotes da MMTGapnet.
Comentários Facebook
Comentários Wordpress

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

*

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com